quinta-feira, 20 de março de 2014

50 anos depois


TVE e FM Cultura apresentam programação sobre os 50 anos do golpe militar

19/03/2014


TVE RS




O golpe de estado que mergulhou o Brasil em uma ditadura militar por 21 anos completa 50 anos no dia 31 de março. Para relembrar esse fato que marcou a história do país, as emissoras públicas do Rio Grande do Sul, TVE e FM Cultura apresentam programação abordando a temática a partir do dia 24 de março. O assunto será destacado sob diversos enfoques, informando e trazendo exemplos de pessoas que participaram desse momento/período, contextualizando-o e também gerando reflexão sobre a cobertura da imprensa.

Na TVE será exibida uma série de 6 reportagens sobre o golpe, entre os dias 24 e 31 de março, no Jornal da TVE – 1ª e 2ª Edições, às 12h30 e às 19h30. A produção 1964: um Golpe na História conta a história de pessoas comuns que de alguma forma ajudaram na resistência à ditadura. Poderão ser conferidas histórias de quem participou das lutas no Centro do país, e conseguiu sobreviver; os locais onde os militantes presos políticos sofreram a violência praticada pelo estado: a Ilha do Presídio, o DOPS e os porões do antigo DOI-CODI. A série também vai abordar como a ação da repressão atuou dentro da maior universidade pública federal no Rio Grande do Sul; o teatro, a charge, a imprensa, e a censura. E a transição para os dias em que as liberdades individuais estão preservadas. A série tem produção, roteiro, e direção de Ana Brenner e Daniela Bonamigo. A locução é de Thaís Baldasso e as imagens são de Beto Azevedo com o apoio de Cláudio Roberto Petraco.

Também serão apresentados os programas Frente a Frente (27 de março, às 22h), Cidadania (31 de março, às 19h) e Mobiliza (1º de abril, às 23h30) sobre os 50 anos do golpe militar.

Na segunda-feira, 31 de março, data em que se completam os 50 anos do Golpe, a FM Cultura terá programação musical temática no Manhã Popular Brasileira e no Tarde Popular Brasileira: em cada do bloco da programação musical será veiculada uma música contextualizando a época em que foi composta, os principais hinos contra a ditadura, os maiores compositores e a verdadeira batalha contra a censura. Além disso, a rádio terá extensa programação destacando os seguintes temas:

Na Trilha da Tela – sábado, 29 de março, às 19h

Como o cinema brasileiro retratou o Golpe, e quais os principais diretores da época.

Tons e Letras – sábado, 29 de março, às 11h

Os destaques da literatura para os 50 Anos do Golpe de 1964.

Contracultura – sábado, 29 de março, às 20h

Como o rock abordou o Golpe de 1964.

Cultura na Mesa – segunda-feira, 31 de março, às 2h

O impacto da cobertura dos jornais antes e depois do Golpe de 1964.

Cantos do Sul da Terra – segunda-feira, 31 de março, às 13h

O programa aborda os golpes militares na Argentina, Brasil, Chile, Paraguai e Uruguai e o cenário musical desta época. Os artistas mais significativos, e as músicas que foram fundamentais para denunciar as torturas, os crimes, o terrorismo de Estado.
Postar um comentário